segunda-feira, novembro 14, 2016

Parabólica América #101



Pessoal, para quem não ouviu ou gostou e quiser repetir, Parabólica América #101 no ar!

Parabólica América #101
2016.11.12

01. betsy vs. cher - lost and found vs. believe
02. calvin harris - my way
03. kings of leon - reverend
04. neiked - sexual
05. nevada - the mack (ft. mark morrison & fetty wap)
06. james arthur - say you wont let go
07. alessia cara - scars to your beautiful
08. cerrone - move me (ft. brandan reilly)
09. rozalla - breaking my heart
10. dj bobo - mystorial
11. maroon 5 - don't wanna know (ft. kendrick lamar)
12. bastille - send them off!
13. michael jackson - smooth criminal
14. when in rome - the promise
15. information society - what’s on your mind
16. kelsea ballerini - yeah boy
17. brett young - sleep without you
18. usher - crash

Sérgio

segunda-feira, novembro 07, 2016

Mais Simpsons pela frente...


Boa notícia... Veio do UOL:

A Fox anunciou nesta sexta-feira (4) que encomendou mais duas temporadas da série “Os Simpsons”. Atualmente na 28ª temporada, a criação de Matt Groening lançada em 1989 vai se tornar, assim, a série mais longa da TV americana. Com as novas encomendas, ao fim da 30ª temporada, “Os Simpsons” alcançarão um total de 669 episódios, superando os 635 de “Gunsmoke”, série produzida entre 1955 e 75. ''Toma essa, Gunsmoke! Você perdeu uma corrida que nem sabia que estava disputando'', informou Homer Simpson no comunicado divulgado pela Fox. A decisão de encomendar mais duas temporadas está relacionada aos ótimos resultados de audiência alcançados pelos ''Simpsons'' este ano nos EUA. Em outubro, a série exibiu o episódio 600, que bateu o recorde do ano. Em livro lançado este ano, “TV (The Book)”, os críticos Allan Sepinwall e Matt Zoller Seitz fizeram um levantamento das melhores séries produzidas nos Estados Unidos em todos os tempos e elegeram “Os Simpsons” como a número um da lista.

Sérgio

domingo, novembro 06, 2016

O Mundo como é...


E o Mundo não é como pensávamos... Vejam que legal. Matéria do UOL:

O mapa-múndi que os alunos usam na escola e consta no Atlas não corresponde exatamente à realidade. Esse mapa, conhecido como projeção de Mercator, mostra a Antártida e a Groenlândia, por
exemplo, de forma distorcida e desproporcional. Um artista e arquiteto japonês desenvolveu uma representação que busca mostrar com precisão as proporções reais entre os países e continentes. A criação foi inspirada no origami, arte milenar japonesa de dobradura de papel. O mapa se chama AutaGraph e seu autor, Hajime Narukawa, ganhou com a sua criação um dos mais respeitados prêmios de design do Japão, o Good Design Award, concedido pelo Instituto de Promoção de Design Japonês.

A tradicional projeção de Mercator foi apresentada pela primeira vez pelo geógrafo e cartógrafo flamengo Gerardus Mercator, em 1569. Foi ele também que introduziu o termo "atlas" para descrever uma coleção de mapas. O sistema desenvolvido pela projeção de Mercator respeita as formas dos continentes, mas não os tamanhos. Seus mapas ganharam popularidade e foram usados como cartas náuticas, uma vez que permitiam traçar rotas como linhas retas, diferentemente de outras projeções mais precisas. As distâncias entre os meridianos e paralelos, no entanto, estão distorcidas. E os países e regiões próximas aos polos aparecem em um tamanho muito maior do que o real. A Groenlândia, por exemplo, aparece quase tão grande quanto a África, sendo que o continente africano tem uma área 14,4 vezes maior.

Origami

Como Hajime Narukawa criou seu mapa de origami? O arquiteto dividiu o globo terrestre em 96 triângulos, que logo foram transformados em tetraedros, poliedros com quatro faces. Poliedros são formas geométricas com faces planas e volumes definidos. A partir desta técnica, Narukawa conseguiu exibir as informações da esfera terrestre em um retângulo, mantendo suas proporções.

Representação Fiel

O mapa pode não ser o ideal para navegação e pode parecer estranho à primeira vista, com uma mudança de posição da Ásia e da América do Norte. Ele resolveu, no entanto, o difícil desafio de projetar um planeta esférico em um mapa plano.  "AuthaGraph representa fielmente os oceanos e os continentes, incluindo a Antártida, e fornece uma perspectiva precisa e moderna do nosso planeta", disse a organização que concedeu o prêmio a Narukawa. Os organizadores do prêmio acrescentam, no entanto, que o mapa poderia ser mais detalhado, "aumentando o número de subdivisões", para refinar ainda mais a precisão.

Sérgio

sábado, novembro 05, 2016

Brasileiro é criativo...



Lava a jato usa nomes de alvos de ação da PF para atrair clientes em PE. No local, José Dirceu, Lula e Petrobras são nomes de serviços. Cerca de 90% da clientela vem por causa dessa estratégia', diz dono.

Desde 2014, o termo "Lava Jato" ganhou uma nova conotação no país e passou a ser associado não somente à limpeza de carros, mas também à operação da Polícia Federal (PF) que investiga, entre outros crimes, a lavagem de dinheiro na Petrobras. Num estabelecimento em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, "Operação Lava Jato" ainda tem sentido literal e dá nome a um negócio aberto há cerca de três meses, que chama atenção por ter "José Dirceu", "Lula" e "Petrobras" como nomes dos serviços de lavagem de veículos. “José Dirceu” passou a ser a o codinome para lavar o carro apenas por fora. “Petrobras” é o serviço para quem quer a lavagem do veículo e a aspiração do interior do carro. “Lula”, por outro lado, é o nome do serviço completo: lavagem, aspiração e polimento do carro.

A ideia surgiu há cerca de três meses, depois de o técnico em eletrônica Bruno Bacelar ser demitido de uma empresa de instalação de TV, internet e linhas telefônicas devido ao corte de gastos na companhia. Sem emprego, ele se uniu à esposa, Poliany Barros, numa única missão: encontrar o segmento ideal para ganhar dinheiro e superar a perda da renda fixa e finalmente realizar o sonho antigo de abrir o próprio negócio. Depois de listar várias opções, o casal viu na lavagem de carros uma oportunidade de aliar um hobby de Bruno à necessidade de pagar as contas e, de quebra, usar uma das operações mais conhecidas da Polícia Federal como a principal propaganda do serviço.

“Se ele [Bruno] pudesse, lavava o carro todos os dias. Levamos isso em conta na hora em que pensamos no que fazer e terminamos escolhendo esse segmento, porque também tínhamos dinheiro suficiente para montar o lava a jato”, conta Poliany. Depois de escolhido o negócio, chegou a hora de usar a criatividade e escolher uma forma diferente de divulgar a empresa, localizada no bairro de Piedade. “Sempre assisti aos noticiários e estive muito atento à política no país. Por isso, achei que a Operação Lava Jato seria uma boa forma para chamar a atenção dos clientes”, revela o empresário. Além da tradicional pesquisa de mercado que um empreendedor costuma fazer antes de abrir o negócio, o casal também fez um levantamento dos envolvidos na operação para escolher quais deles dariam nome aos serviços. "Já temos um cartão fidelidade e estamos estudando outros nomes para acrescentar nos nossos serviços", conta o empreendedor.

Diferencial

Para Bruno, a forma descontraída de chamar os serviços é uma forma de se destacar em meio à concorrência acirrada no bairro. “Existem quatro outros lugares que lavam carros aqui perto e, por isso, fizemos uma pesquisa de preços e também tivemos cuidado para escolher as pessoas que dariam nome aos serviços. Hoje em dia, 90% da minha clientela vem aqui só por causa desses nomes”, comemora Bruno. Também desempregada na época da inauguração do lava a jato, Poliany trabalhou com o marido até conseguir um emprego de secretária, há um mês. “Hoje em dia, só trabalho com ele aos fins de semana. O movimento tem aumentado e, se continuar desse jeito, vamos ter que contratar um ajudante. Espero que continue assim”, declara.

Sérgio

sexta-feira, novembro 04, 2016

Piscina x Crocodilo


A África é perigosa em qualquer lugar... Essa veio do Page Not Found:

O que era para ser lazer e relaxamento acabou virando drama e desespero. Um casal teve que fugir da piscina de um hotel em Kariba (Zimbábue) após a inesperada - e indesejada - companhia de um crocodilo de 1,8 metro de comprimento. Segundo o "Mashable", o homem saiu ileso da piscina, mas a mulher não teve a mesma sorte e foi mordida em um dos braços. Entretanto, de acordo com o site "NewsNow", o homem e a mulher sofreram ferimentos leves. O incidente foi registrado por câmera do circuito interno de segurança.

Sérgio

quinta-feira, novembro 03, 2016

Aconteceu no Japão...


Essa é muito estranha... Veio do Globo:

Uma mulher que estava sendo operada no Hospital Universitário de Tóquio (Japão) acabou provocando incêndio na sala de cirurgia ao soltar um "pum". A paciente era submetida a um procedimento no colo do útero com o uso de laser quando a flatulência provocou as chamas. A mulher ficou com queimaduras em várias partes do corpo, segundo a imprensa local. O caso ocorreu em abril, mas só agora foi divulgado por causa da investigação. A conclusão: materiais inflamáveis liberados pela paciente foram responsáveis pelo incêndio. O relatório apontou, ainda, não ter havido flha no equipamento usado na cirurgia. "Quando o gás intestinal da paciente vazou no ambiente da operação, houve contato com a irradiação do laser, o que provocou as chamas. As chamas atingiram as cortinas e levaram ao incêndio", afirmou o documento.

Sérgio

quarta-feira, novembro 02, 2016

20 iPhones 7 x 1 Casa


Aconteceu em Shenzhen, onde estou: Mulher foi capaz de juntar o equivalente a 57 mil reais com a venda de 20 iPhones 7. A soma foi usada para comprar uma casa na região sul da China. Veio da Exame:

Uma mulher chinesa comprou uma casa após vender 20 iPhones que havia ganhado de 20 namorados diferentes. A informação foi publicada pelo noticiário britânico BBC. Não raramente, quando publicamos notícias sobre o lançamento de produtos da Apple, alguns leitores comentam sobre ter de vender a casa ou o carro para comprar o aparelho. Desta vez, o processo foi o contrário. A história foi publicada em uma rede social e confirmada por diferentes veículos de imprensa. Caso contrário, seria difícil acreditar. Foi um usuário com o apelido de Proud Qiaoba quem contou o caso. A mulher, chamada pela imprensa chinesa de Xiaoli (um nome fictício), teria pedido para 20 homens diferentes um iPhone 7 de presente. Com os presentes em mãos, ela os vendeu e investiu a soma em uma casa. Moradora da cidade de Shenzhen, no sul da China, ela foi capaz de juntar 120 mil yaun com os gadgets. A soma é equivalente a quase 57 mil reais no câmbio de hoje. A venda foi feita para um site de reciclagem de smartphones chamado Hui Shou Bao.

Sérgio

domingo, outubro 30, 2016

Sunset em São Paulo


Foto tirada ontem em um voo da Gol, chegando em São Paulo, no Boeing 737-800, PR-GYA, voo 1681 cruzando o Rio e a Marginal Pinheiros, para pouso no aeroporto de Congonhas, 19h16.

Sérgio

sábado, outubro 29, 2016

Parabólica América #100


Para quem perdeu, esse foi o Parabólica #100 de Halloween 2016, transmitido em 29.10.2016.

O Parabólica agora tem um website: www.parabolica.show, visite e participe.

Também temos uma página no Facebook: facebook/parabolica.show!

01. mastermix - extended halloween party
02. bow wow wow - i want candy
03. steve miller band - abracadabra
04. toto - stranger in town (extended version)
05. the cult - lil' devil
06. ramones - pet semetary
07. iron maiden - the number of the beast
08. mastermix - halloween slam
09. mastermix - the warm up mix halloween
10. status quo - halloween
11. steppenwolf - born to be wild
12. inxs - devil inside
13. talking heads - psycho killer
14. bryan ferry - i put a spell on you
15. alice cooper - poison
16. swedish house mafia vs. ray parker jr. - ghostbusters child
17. mastermix - ray parker jr x mark ronson
18. ac-dc - highway to hell


Sérgio

sábado, outubro 15, 2016