sexta-feira, dezembro 16, 2016

Parabólica América #103


Pessoal, esse foi o Parabólica América #103, de 10.12.2016.

Parabólica América #103
04.11.2016

01. morgan page - don't give up (ft. lissie)
02. the vamps - all night (ft. matoma)
03. sigma - find me (ft. birdy)
04. olly murs - grow up
05. lady gaga - million reasons
06. imagine dragons - levitate
07. simple plan - christmas every day
08. owl city - humbug
09. ida corr - christmas time
10. robbie williams - love my life
11. sean paul - no lie (ft. dua lipa)
12. benjamin orr - stay the night
13. cyndi lauper - change of heart
14. eddie money - take me home tonight
15. sia - never give up
16. the ready set - before you (ft. karra)
17. giorgio moroder - good for me (ft. karen harding)

Sérgio

segunda-feira, novembro 14, 2016

Parabólica América #101



Pessoal, para quem não ouviu ou gostou e quiser repetir, Parabólica América #101 no ar!

Parabólica América #101
2016.11.12

01. betsy vs. cher - lost and found vs. believe
02. calvin harris - my way
03. kings of leon - reverend
04. neiked - sexual
05. nevada - the mack (ft. mark morrison & fetty wap)
06. james arthur - say you wont let go
07. alessia cara - scars to your beautiful
08. cerrone - move me (ft. brandan reilly)
09. rozalla - breaking my heart
10. dj bobo - mystorial
11. maroon 5 - don't wanna know (ft. kendrick lamar)
12. bastille - send them off!
13. michael jackson - smooth criminal
14. when in rome - the promise
15. information society - what’s on your mind
16. kelsea ballerini - yeah boy
17. brett young - sleep without you
18. usher - crash

Sérgio

segunda-feira, novembro 07, 2016

Mais Simpsons pela frente...


Boa notícia... Veio do UOL:

A Fox anunciou nesta sexta-feira (4) que encomendou mais duas temporadas da série “Os Simpsons”. Atualmente na 28ª temporada, a criação de Matt Groening lançada em 1989 vai se tornar, assim, a série mais longa da TV americana. Com as novas encomendas, ao fim da 30ª temporada, “Os Simpsons” alcançarão um total de 669 episódios, superando os 635 de “Gunsmoke”, série produzida entre 1955 e 75. ''Toma essa, Gunsmoke! Você perdeu uma corrida que nem sabia que estava disputando'', informou Homer Simpson no comunicado divulgado pela Fox. A decisão de encomendar mais duas temporadas está relacionada aos ótimos resultados de audiência alcançados pelos ''Simpsons'' este ano nos EUA. Em outubro, a série exibiu o episódio 600, que bateu o recorde do ano. Em livro lançado este ano, “TV (The Book)”, os críticos Allan Sepinwall e Matt Zoller Seitz fizeram um levantamento das melhores séries produzidas nos Estados Unidos em todos os tempos e elegeram “Os Simpsons” como a número um da lista.

Sérgio

domingo, novembro 06, 2016

O Mundo como é...


E o Mundo não é como pensávamos... Vejam que legal. Matéria do UOL:

O mapa-múndi que os alunos usam na escola e consta no Atlas não corresponde exatamente à realidade. Esse mapa, conhecido como projeção de Mercator, mostra a Antártida e a Groenlândia, por
exemplo, de forma distorcida e desproporcional. Um artista e arquiteto japonês desenvolveu uma representação que busca mostrar com precisão as proporções reais entre os países e continentes. A criação foi inspirada no origami, arte milenar japonesa de dobradura de papel. O mapa se chama AutaGraph e seu autor, Hajime Narukawa, ganhou com a sua criação um dos mais respeitados prêmios de design do Japão, o Good Design Award, concedido pelo Instituto de Promoção de Design Japonês.

A tradicional projeção de Mercator foi apresentada pela primeira vez pelo geógrafo e cartógrafo flamengo Gerardus Mercator, em 1569. Foi ele também que introduziu o termo "atlas" para descrever uma coleção de mapas. O sistema desenvolvido pela projeção de Mercator respeita as formas dos continentes, mas não os tamanhos. Seus mapas ganharam popularidade e foram usados como cartas náuticas, uma vez que permitiam traçar rotas como linhas retas, diferentemente de outras projeções mais precisas. As distâncias entre os meridianos e paralelos, no entanto, estão distorcidas. E os países e regiões próximas aos polos aparecem em um tamanho muito maior do que o real. A Groenlândia, por exemplo, aparece quase tão grande quanto a África, sendo que o continente africano tem uma área 14,4 vezes maior.

Origami

Como Hajime Narukawa criou seu mapa de origami? O arquiteto dividiu o globo terrestre em 96 triângulos, que logo foram transformados em tetraedros, poliedros com quatro faces. Poliedros são formas geométricas com faces planas e volumes definidos. A partir desta técnica, Narukawa conseguiu exibir as informações da esfera terrestre em um retângulo, mantendo suas proporções.

Representação Fiel

O mapa pode não ser o ideal para navegação e pode parecer estranho à primeira vista, com uma mudança de posição da Ásia e da América do Norte. Ele resolveu, no entanto, o difícil desafio de projetar um planeta esférico em um mapa plano.  "AuthaGraph representa fielmente os oceanos e os continentes, incluindo a Antártida, e fornece uma perspectiva precisa e moderna do nosso planeta", disse a organização que concedeu o prêmio a Narukawa. Os organizadores do prêmio acrescentam, no entanto, que o mapa poderia ser mais detalhado, "aumentando o número de subdivisões", para refinar ainda mais a precisão.

Sérgio

sábado, novembro 05, 2016

Brasileiro é criativo...



Lava a jato usa nomes de alvos de ação da PF para atrair clientes em PE. No local, José Dirceu, Lula e Petrobras são nomes de serviços. Cerca de 90% da clientela vem por causa dessa estratégia', diz dono.

Desde 2014, o termo "Lava Jato" ganhou uma nova conotação no país e passou a ser associado não somente à limpeza de carros, mas também à operação da Polícia Federal (PF) que investiga, entre outros crimes, a lavagem de dinheiro na Petrobras. Num estabelecimento em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, "Operação Lava Jato" ainda tem sentido literal e dá nome a um negócio aberto há cerca de três meses, que chama atenção por ter "José Dirceu", "Lula" e "Petrobras" como nomes dos serviços de lavagem de veículos. “José Dirceu” passou a ser a o codinome para lavar o carro apenas por fora. “Petrobras” é o serviço para quem quer a lavagem do veículo e a aspiração do interior do carro. “Lula”, por outro lado, é o nome do serviço completo: lavagem, aspiração e polimento do carro.

A ideia surgiu há cerca de três meses, depois de o técnico em eletrônica Bruno Bacelar ser demitido de uma empresa de instalação de TV, internet e linhas telefônicas devido ao corte de gastos na companhia. Sem emprego, ele se uniu à esposa, Poliany Barros, numa única missão: encontrar o segmento ideal para ganhar dinheiro e superar a perda da renda fixa e finalmente realizar o sonho antigo de abrir o próprio negócio. Depois de listar várias opções, o casal viu na lavagem de carros uma oportunidade de aliar um hobby de Bruno à necessidade de pagar as contas e, de quebra, usar uma das operações mais conhecidas da Polícia Federal como a principal propaganda do serviço.

“Se ele [Bruno] pudesse, lavava o carro todos os dias. Levamos isso em conta na hora em que pensamos no que fazer e terminamos escolhendo esse segmento, porque também tínhamos dinheiro suficiente para montar o lava a jato”, conta Poliany. Depois de escolhido o negócio, chegou a hora de usar a criatividade e escolher uma forma diferente de divulgar a empresa, localizada no bairro de Piedade. “Sempre assisti aos noticiários e estive muito atento à política no país. Por isso, achei que a Operação Lava Jato seria uma boa forma para chamar a atenção dos clientes”, revela o empresário. Além da tradicional pesquisa de mercado que um empreendedor costuma fazer antes de abrir o negócio, o casal também fez um levantamento dos envolvidos na operação para escolher quais deles dariam nome aos serviços. "Já temos um cartão fidelidade e estamos estudando outros nomes para acrescentar nos nossos serviços", conta o empreendedor.

Diferencial

Para Bruno, a forma descontraída de chamar os serviços é uma forma de se destacar em meio à concorrência acirrada no bairro. “Existem quatro outros lugares que lavam carros aqui perto e, por isso, fizemos uma pesquisa de preços e também tivemos cuidado para escolher as pessoas que dariam nome aos serviços. Hoje em dia, 90% da minha clientela vem aqui só por causa desses nomes”, comemora Bruno. Também desempregada na época da inauguração do lava a jato, Poliany trabalhou com o marido até conseguir um emprego de secretária, há um mês. “Hoje em dia, só trabalho com ele aos fins de semana. O movimento tem aumentado e, se continuar desse jeito, vamos ter que contratar um ajudante. Espero que continue assim”, declara.

Sérgio

sexta-feira, novembro 04, 2016

Piscina x Crocodilo


A África é perigosa em qualquer lugar... Essa veio do Page Not Found:

O que era para ser lazer e relaxamento acabou virando drama e desespero. Um casal teve que fugir da piscina de um hotel em Kariba (Zimbábue) após a inesperada - e indesejada - companhia de um crocodilo de 1,8 metro de comprimento. Segundo o "Mashable", o homem saiu ileso da piscina, mas a mulher não teve a mesma sorte e foi mordida em um dos braços. Entretanto, de acordo com o site "NewsNow", o homem e a mulher sofreram ferimentos leves. O incidente foi registrado por câmera do circuito interno de segurança.

Sérgio

quinta-feira, novembro 03, 2016

Aconteceu no Japão...


Essa é muito estranha... Veio do Globo:

Uma mulher que estava sendo operada no Hospital Universitário de Tóquio (Japão) acabou provocando incêndio na sala de cirurgia ao soltar um "pum". A paciente era submetida a um procedimento no colo do útero com o uso de laser quando a flatulência provocou as chamas. A mulher ficou com queimaduras em várias partes do corpo, segundo a imprensa local. O caso ocorreu em abril, mas só agora foi divulgado por causa da investigação. A conclusão: materiais inflamáveis liberados pela paciente foram responsáveis pelo incêndio. O relatório apontou, ainda, não ter havido flha no equipamento usado na cirurgia. "Quando o gás intestinal da paciente vazou no ambiente da operação, houve contato com a irradiação do laser, o que provocou as chamas. As chamas atingiram as cortinas e levaram ao incêndio", afirmou o documento.

Sérgio

quarta-feira, novembro 02, 2016

20 iPhones 7 x 1 Casa


Aconteceu em Shenzhen, onde estou: Mulher foi capaz de juntar o equivalente a 57 mil reais com a venda de 20 iPhones 7. A soma foi usada para comprar uma casa na região sul da China. Veio da Exame:

Uma mulher chinesa comprou uma casa após vender 20 iPhones que havia ganhado de 20 namorados diferentes. A informação foi publicada pelo noticiário britânico BBC. Não raramente, quando publicamos notícias sobre o lançamento de produtos da Apple, alguns leitores comentam sobre ter de vender a casa ou o carro para comprar o aparelho. Desta vez, o processo foi o contrário. A história foi publicada em uma rede social e confirmada por diferentes veículos de imprensa. Caso contrário, seria difícil acreditar. Foi um usuário com o apelido de Proud Qiaoba quem contou o caso. A mulher, chamada pela imprensa chinesa de Xiaoli (um nome fictício), teria pedido para 20 homens diferentes um iPhone 7 de presente. Com os presentes em mãos, ela os vendeu e investiu a soma em uma casa. Moradora da cidade de Shenzhen, no sul da China, ela foi capaz de juntar 120 mil yaun com os gadgets. A soma é equivalente a quase 57 mil reais no câmbio de hoje. A venda foi feita para um site de reciclagem de smartphones chamado Hui Shou Bao.

Sérgio

domingo, outubro 30, 2016

Sunset em São Paulo


Foto tirada ontem em um voo da Gol, chegando em São Paulo, no Boeing 737-800, PR-GYA, voo 1681 cruzando o Rio e a Marginal Pinheiros, para pouso no aeroporto de Congonhas, 19h16.

Sérgio

sábado, outubro 29, 2016

Parabólica América #100


Para quem perdeu, esse foi o Parabólica #100 de Halloween 2016, transmitido em 29.10.2016.

O Parabólica agora tem um website: www.parabolica.show, visite e participe.

Também temos uma página no Facebook: facebook/parabolica.show!

01. mastermix - extended halloween party
02. bow wow wow - i want candy
03. steve miller band - abracadabra
04. toto - stranger in town (extended version)
05. the cult - lil' devil
06. ramones - pet semetary
07. iron maiden - the number of the beast
08. mastermix - halloween slam
09. mastermix - the warm up mix halloween
10. status quo - halloween
11. steppenwolf - born to be wild
12. inxs - devil inside
13. talking heads - psycho killer
14. bryan ferry - i put a spell on you
15. alice cooper - poison
16. swedish house mafia vs. ray parker jr. - ghostbusters child
17. mastermix - ray parker jr x mark ronson
18. ac-dc - highway to hell


Sérgio

sábado, outubro 15, 2016

sábado, outubro 01, 2016

terça-feira, setembro 27, 2016

Paulo Laux


O livro "90 ANOS DE AVIAÇÃO COMERCIAL BRASILEIRA" do jornalista e especialista em aviação Paulo Laux narra em detalhes a história percorrida por 128 empresas aéreas nacionais que operaram, ou seguem operando, comercialmente no Brasil desde os idos da década de 20, quando o então ministro da Viação e Obras Públicas, dr. Victor Konder, aprovou o início das atividades regulares do transporte aéreo no País, até os dias atuais.

Uma após outra, todas as empresas aéreas tiveram suas trajetórias de vida descritas; os processos de incorporações, fusões e as lamentáveis falências comerciais, são descritos à luz dos fatos à época em que ocorreram. 

Uma história ilustrada de Sucessos, Sonhos e Paixões” - como o autor Paulo Laux se refere à sua obra inédita no mercado editorial brasileiro -, vem contida em 244 páginas fartamente ilustradas com o desfile de aproximadamente 400 imagens de aeronaves utilizadas ao longo de nove décadas pelas companhias aéreas, além da descrição das frotas utilizadas, peças de publicidade veiculadas à época e outros documentos.

O livro pode ser adquirido por R$ 139,00 + porte (verificar), através de sites de vendas especializados; pessoalmente em Florianópolis (SC); ou enviado pelo autor através de pedidos feitos por e-mail.

Maiores informações de como comprar podem ser obtidas através do endereço   paulolaux27@gmail.com ou através dos telefones (48) 3334-5029 e (48) 9925-1567.

Sérgio

segunda-feira, setembro 26, 2016

A verdade sobre Detroit


Vejam o que a política do Bom Samaritano faz... O site PJTV foi à Detroit e mostrou como os sindicatos e décadas de políticas estatistas e sociais (Democratas) reduziram a cidade mais próspera dos EUA depois da 2ª Guerra Mundial à miséria. Sou contra o Trump, mas os Democratas não são bons para a economia, no final das contas. Complicado. Transcrição e tradução de Robson da Silva. Sincronização de Ivanildo Terceiro. Veio deste LINK no Youtube do portal Libertarianismo.

Sérgio

domingo, setembro 25, 2016

The One That Got Away


Boooom dia para todos! Vou aproveitar o fim de semana para descansar e assistir um filme de 1957 sobre um piloto de caça lendário da Luftwaffe na Batalha da Inglaterra, chamado Franz Von Werra, conhecido como "The Oner That Got Away" ou, aquele que fugiu. Lembro de ter lido esta história num antigo livro da Seleções lá nos Anos 80. Confesso que rever num filme foi ainda mais interessante, apesar da narrativa do livro ser mais rica em detalhes, obviamente. Mas, o interessante é que é uma história real. Vejam o trailer. Ele mostra que a vida pode tão ou mais fascinante que a ficção!

Sérgio

sábado, setembro 24, 2016

Voo 1907 - 10 Anos


Hoje é um dia triste. fazem 10 anos de uma das maiores tragédias do Brasil. Há dez anos, quando um novíssimo jato executivo Legacy decolou de sua fábrica no interior de SP e horas depois se chocou no céu da Amazônia com um Boeing 737-800 da Gol, a segurança do sistema aéreo brasileiro foi colocada imediatamente em dúvida, além de ter deixado 154 mortos. Logo após a tragédia, soube-se que os radares não eram capazes de cobrir todo o território nacional e que os rádios não alcançavam os pilotos em determinadas áreas do país, naqueles vácuos chamados de "buracos negros" da aviação... Foram várias as razões da tragédia e algumas delas estão presentes ainda em nosso espaço aéreo. Saibam mais no especial da Folha de São Paulo.

Sérgio

quarta-feira, setembro 14, 2016

Sacanagem... Na Itália!


O mundo está mesmo estranho: Corte Suprema italiana decide que masturbação em público não é crime. Autor poderá ser preso apenas se realizar ato na presença de um menor. Homem flagrado em universidade se livrou de prisão e irá pagar multa. É, literalmente, sacanagem! Veio do G1:

A Corte Suprema da Itália decidiu que a masturbação em público não é um crime, desde que não seja realizada na presença de menores de idade. A decisão aconteceu durante a análise do caso de um homem de 69 anos, identificado apenas como PL, que recebeu uma pena de três meses de prisão e uma multa de 3.200 euros após ser flagrado se masturbando no campus da Universidade de Catania, na Sicília. Os advogados do homem apelaram à instância superior, que deu sua sentença em junho, mas apenas agora tornou a decisão pública. A justificativa é de que o ato deixou de ser considerado uma conduta criminal depois de uma mudança de lei no ano passado. Mas, caso ele seja praticado na presença de um menor, o autor poderá ser condenado a até quatro anos e meio de prisão. No caso de PL, sua sentença foi revogada, mas o caso foi devolvido à corte de Catania, que irá determinar uma multa administrativa, com valor entre 5 mil e 30 mil euros.

Sérgio

terça-feira, setembro 13, 2016

Papelmodelismo




Hobby é uma coisa legal. Eu faço aviões de plástico, o chamado Plastimodelismo. Há gente que os faz de papel, o chamado Papelmodelismo. Vejam só o nível que eles chegam. Sensacional... Vejam mais neste LINK do site Skyline Paper Models.

Sérgio

segunda-feira, setembro 12, 2016

Islamismo



Assistam este vídeo... É a história não contada do Islamismo - em números. Tradução de Hugo Silver, Israel Pestana & Jonatas.

Sérgio

sábado, setembro 10, 2016

Venderam a F-1


Por estas e outras, não torço mais por nada, de futebol à Formula 1... Matéria do UOL:

A empresa norte-americana Liberty Media confirmou nesta quarta-feira (7) que chegou a um acordo para comprar a Fórmula 1 por 8 bilhões de dólares (cerca de R$ 25,9 bilhões). A categoria é controlada há mais de 30 anos pelo magnata britânico Bernie Ecclestone, que permanecerá no cargo de CEO da F-1 após a venda e completará 86 anos no fim de 2016. Ele é o responsável por negociar contratos com as equipes e circuitos e por fechar acordos de direitos de transmissão de TV. "Eles querem que eu fique por três anos", disse Ecclestone à agência Reuters. "Por conta de tudo o que está sendo negociado, não vou para o GP de Cingapura. Eles querem que eu fique em Londres para ajudá-los, então não posso me ausentar por cinco ou seis dias".

O acordo prevê que a Liberty tenha imediatamente 18,7% das ações da Fórmula 1 por 746 milhões de dólares (R$ 2,4 bilhões). O restante do negócio deve ser concretizado até o primeiro trimestre de 2017. A Liberty Media é uma gigante do ramo das comunicações cujo acionista majoritário é o norte-americano John Malone. Entre os outros investimentos do grupo, estão o clube de beisebol Atlanta Braves e empresas como Live Nation, Time Warner e Viacom. Após completar a compra, a Liberty deve mudar seu nome para Formula One Group. O comunicado acrescentou que Chase Carey, o vice-presidente executivo da 21st Century Fox, de Rupert Murdoch, e diretor da dona da Sky News, vai assumir como presidente do conselho da empresa mãe da Fórmula 1, com Ecclestone permanecendo como presidente da empresa. "Eu admiro bastante a Fórmula 1 como uma franquia única de entretenimento global esportivo, que atrai centenas de milhões de torcedores a cada temporada em todo mundo", afirmou Carey. "Eu vejo uma grande oportunidade para ajudar a Fórmula 1 a continuar a desenvolver e prosperar para o benefício do esporte, dos torcedores, das equipes e dos investidores."

Sérgio

sexta-feira, setembro 09, 2016

quinta-feira, setembro 08, 2016

Triste Brasil...


Vivo entre a vontade de ignorar estes manifestantes medíocres e a necessidade de me manifestar, contribuir, de alguma maneira, para o fim desta situação. Sejamos francos: o Brasil está um CAOS. Economia derrubada, chances esparsas de uma pequena recuperação a curto prazo, violência em níveis estratosféricos e uma divisão abissal entre o povo.

Onde pensamos que vamos assim? As Olimpíadas foram um sucesso (SIC), somos do Primeiro Mundo, mostramos para eles? Só em sonho...

E, por divisão abissal, não é bem assim: 64% da população apoiou o Impeachment da Dilma e 61% discordam dela manter direitos políticos. As manifestações pelo Impeachment foram pacíficas e inúmeras vezes maior em números e adesões espontâneas que as da Esquerda. Mas, no final, são eles que se mobilizam agora para fazer barulho, semear insegurança e criar factóides capazes de encenar uma suposta reação a um "golpe", literalmente para inglês ver.

Temos um País para reconstruir, quebrado não pelo Temer, mas pela Dilma, Lula, PT e PMBD junto com os PP's, PR's e outros da vida. Mas, ainda assim, ela que foi eleita, foi destituída pelo império da Lei e da Constituição. Claro que, no final, o PT e o PMDB torceram a Constituição para manter os direitos políticos da Dilma, mas esta foi a única nódoa do Impeachment.

Porém, qual seja o resultado, precisamos SUPERÁ-LO. Avançar, pensar no Brasil. Mas o PT não está nem aí para o Brasil ou o emprego das pessoas. Quer salvar Lula e voltar ao Poder, aprofundar as "mudanças" bem sucedidas de seus 13 anos no Poder. Afinal, não somos a Venezuela ainda. O PT ainda tem como piorar a situação e vai se dedicar a isto!

Ou a gente resolve esta situação e volta a trabalhar ou podemos, realmente, por tudo a perder. A intolerância, a violência e a falta de visão deste povo que defende que nossa Democracia foi violada é tamanha que pode, efetivamente, minar a recuperação. Não será um trabalho fácil ou rápido. Fácil foi quebrar fazendo benesses irresponsáveis. Quando o Temer começar de fato a arrumar a casa, se conseguir, o "grito" dos excluídos vai aumentar. 

É preciso piorar para melhorar. Mas, vão entender? Vão ter capacidade de aceitar? Se tornarem nossa vida um inferno, como ameaçam e usarem discursos fáceis e piegas para cooptar os desdentados mentais que sobejam nas ruas, vamos voltar ao ciclo populista-petista e o fim será certo e inexorável. 

Estou muito preocupado. Somos o País do mimimi, não importa se uma sociedade inteira sofrer economicamente por uma ambição de poder e dinheiro que se escora em uma visão política distorcida. Pelo jeito vamos mesmo ter de conviver com o Fora Temer nas ruas e denúncias sobre o "golpe" do Impeachment para outros Países e à ONU.

O Titanic Brasil afunda e essa é "nossa orquestra"... É só o que temos!

Pobre Brasil!

Sérgio

quarta-feira, setembro 07, 2016

Deu para o Trump?


Incrível... Mesmo no Texas, eminentemente Republicano, o jornal prestigiado The Dallas Morning News está recomendando o voto na Hillary Clinton. É a primeira vez, desde a Segunda Guerra Mundial que eles sugerem voto em um candidato. Fantástico... Confiram AQUI...

Sérgio

segunda-feira, setembro 05, 2016

Chupão causa morte no México


Pensa que é só Deus que mata? Veio do site O Viral, do UOL, com informações do El Mañana, do México.

Uma história triste comoveu muita gente no distrito de Iztapalapa, Cidade do México. Julio Macías Gonzales, 17 anos, morreu vítima de embolia cerebral após levar um “chupão” da sua noiva no pescoço. O jovem jantava com a família na última quarta-feira (24), quando começou a sofrer convulsões. Julio foi socorrido pelo serviço de emergência da cidade, mas mesmo com todo esforço da equipe médica, ele não resistiu. O “chupão” no pescoço gerou um coágulo que foi levado pela corrente sanguínea ao cérebro do adolescente causando uma embolia. Logo após a morte do jovem, a noiva fugiu e o seu destino é desconhecido. Os pais do rapaz, que nunca concordaram com o relacionamento devido a diferença de idade entre os dois, culpam Iris, que é sete anos mais velha que Julio, pela tragédia.

Sérgio

sexta-feira, setembro 02, 2016

Bandidos x Democracia


É preciso FORÇA. Alguns jornais ainda os chamam de "manifestantes", mas para mim são bandidos. Uma minoria violenta que está colocando as manguinhas de fora apostando que o mimimi de sempre irá proteger seus ataques. Vejam a foto... Os vi e os ouvi na Quarta-feira. Na vida real ameaçadores. Nos jornais uns coitadinhos!

Precisamos detê-los! Vão criar factóides para dizer que lutam contra o golpe e justificar, no exterior, que são heróis e Dilma a presidente deposta. São bandidos lutando contra a Democracia, exatamente como a incompetente Dilma era em 1964... Hoje diz que era manifestante pela Democracia e uns acreditam.

O Brasil está num momento sério. Ou colocamos estes verdadeiros golpistas dentro da ordem ou para correr. Não é só em São Paulo, mas em todo o País e crescerão com a inércia das autoridades. Vão provocar até ter um morto para usarem de escudo. E, antes que eu me esqueça: Geraldo Alckmin, novamente quando a história pede, você é um fraco. São Paulo está entregue. Não saio mais de casa de noite e escolho bem meus trajetos nestes dias. Parabéns!

A população de bem se encolhe e fica quieta. Por óbvio, os esquerdistas, arregimentados e aliciados com o discurso do PT e o $ que investiram nisso, são muito hábeis em fazer barulho e arruaça. Vide o Sindicato dos Bancários, que em tempos de desemprego, quer uma greve geral dia 6 contra Temer e por "aumento de salários". Vai usar a greve anual que fazem para um fim político. Os TRT's e o TST deixarão?

Até que a ordem seja reinstalada, somos e seremos reféns... De bandidos fortes, imprensa complacente, população de bem anestesiada e autoridades fracas! Triste Brasil!

Sérgio

quinta-feira, agosto 11, 2016

Dia do Advogado


O 11 de Agosto não é um dia qualquer. Esta não é uma profissão qualquer. Requer homens e mulheres especiais. Sim, há os que não honram nossa sagrada missão, mas são a minoria, como em todas as profissões. Me orgulho de ser Advogado. Aliás, me reconhecer Advogado, porquê quem é, nasce. A faculdade apenas o forma nas leis de onde vive e atuará. Mas, ser Advogado é uma vocação!

O verdadeiro Advogado media direitos. Não os cria ou suprime. Enxerga os dois lados da história e constrói pontes.

Simples assim.

Agradeço aos meus pais, que não estão aqui, pelo incentivo ao reconhecerem esta vocação e por me propiciar este caminho, de tantas alegrias, apesar das dificuldades. 

Feliz Dia do Advogado aos maravilhosos amigos e colegas com os quais trabalhei nestes 17 anos de profissão. Especial agradecimento as maravilhosas Advogadas que, junto comigo, fizeram a Qi Consulting um dos melhores escritórios de Advocacia Empresarial do Vale do Paraíba, enquanto existiu. Hoje esta não é minha atividade principal, mas o fato de SER Advogado (na verdadeira expressão da palavra) me ajuda todo dia nas negociações pelo Mundo.

Agradeço também por fazer parte da gloriosa OAB São Paulo, a qual já servi como Conselheiro em Comissões e sei da luta por uma classe melhor representada e respeitada por todas as instituições.

A todos, parabéns e obrigado!

Sérgio

quarta-feira, agosto 10, 2016

Estamos protegidos?


Já são 15 anos do 11 de Setembro. Infelizmente, temo que estamos ainda mais vulneráveis, não pela falta de controle, mas pelo aumento das ameaças. Excelente reportagem da The Atlantic. Leia a matéria na íntegra AQUI.

Sérgio

segunda-feira, agosto 08, 2016

Ahhhh, que preguiça 2...


Sempre tem um aparecido... Preguiça de discorrer as inúmeras razões pelas quais este Juiz está errado. Enfim, vai virar um caos de Fora Temer e Fora Dilma. E os jogos virarão um inferno. Juiz não pode legislar... O recinto não é público, é espaço privado e o evento tem dono e regras, além de uma lei própria referendada pelo STF. É um inútil! Veja mais no UOL:

O juiz federal João Augusto Carneiro Araújo concedeu nesta segunda-feira (8) liminar em que proíbe o Comitê Organizador dos Jogos do Rio-2016 de reprimir manifestações políticas pacíficas no ambiente das Olimpíadas. A decisão tem como alvos, além do comitê, o governo do estado do Rio de Janeiro e a União. A liminar determina que "os réus se abstenham de impedir a manifestação pacífica de cunho político através da exibição de cartazes, uso de camisetas e de outros meios lícitos nos locais oficiais dos Jogos Olímpicos Rio-2016".

Sérgio

domingo, agosto 07, 2016

Ahhhh, que preguiça...


Domingo é dia para relaxar, mas meu lado Advogado não me deixa compactuar com a ignorância e a má-fé das pessoas, em especial os desesperados que querem dizer que há um golpe no Brasil, manchando a imagem do País em meio a imprensa internacional e aos que vieram para as Olimpíadas Rio 2016.

Tenho visto várias pessoas dizendo que Michel Temer e/ou pessoas em seu nome (alegados "golpistas" - SIC) estariam "censurando" pessoas nas Olimpíadas simplesmente por elas estarem portando cartazes "Fora Temer".

Que absurdo, não? Esse Temer deve ser pouco republicano...

Pois, vejam só: cartazes com manifestações (políticas, à favor ou contra qualquer um) são proibidos nos estádios durante os Jogos Olímpicos pelo COI e pela Lei 13.284/2016 sancionada pela (hoje ex) Presidenta (SIC) em 10.05.2016, apenas alguns dias antes de ser defenestrada!

Petistas estão utilizando cartazes “Fora Temer” para fazer média tentar mostra ao Mundo um golpe que não existe, criando uma suposta repressão que não é do Michel Temer, mas o simples respeito à uma lei sancionada pela própria "Mulher Sapiens" (SIC).

A narrativa de “vítimas de autoritarismo” é algo nefasto e típico da mania de simular vitimismo da extrema-esquerda, sem pensar nas consequências para com pessoas de outros Países, que não sabem a lei Brasileira e desconhecem o que se passa de fato.

Se não acredita, visite o LINK do Palácio do Planalto e leia a lei, em especial nos seu artigo 28, incisos IV, V, VIII e X.

Sérgio

quarta-feira, julho 20, 2016

Precisamos estudar a História!


Vejam como idéias tipo "nós contra eles" e "ele é radical, mas é só retórica", além de manipulações de nacionalismo exacerbado nos levaram ao maior conflito que esse Mundo já viu. Nem esquerda, nem direita. Nem um governo frouxo demais, nem autoritário demais. Como diria aquele personagem, quem poderá nos ajudar? 

Sérgio

terça-feira, julho 19, 2016

Paul Joseph - Atentados Terroristas


O tema é sério e os politicamente corretos dirão que ele é isso ou aquilo. Mas há fatos que não podem ser ignorados. A frase mais forte dele é verdade: estamos em guerra e sendo dizimados no Mundo Ocidental por pessoas que entram nestes países pedindo (e recebendo) refúgio, muitas vezes humanitário. Quando vamos resolver encarar isso?

Quando você é recebido em uma casa de um amigo, não implanta lá seus hábitos, mas segue as regras dos anfitriões. Qual a razão pela qual os Países do Ocidente tem de seguir as regras daqueles que pedem para neles morar?

Estas são questões legítimas que devem ser respondidas. Mais de 1800 ataques aconteceram em mais de 50 Países só em 2016. Quantos mais acontecerão até que o Mundo entenda isso? Não sou contra a religião de ninguém, mas respostas politicamente corretas e dogmas de esquerda e Direitos Humanos, certamente, não são o caminho.

No mínimo, para se pensar... Só não podemos fazer como pede o Primeiro-Ministro da França: aprender a conviver com o Terrorismo!

Sérgio

quinta-feira, julho 14, 2016

Não ao PL 280/2016


A Associação dos Juízes Federais do Brasil (AJUFE) lançou uma petição on-line contra a votação do PL 280/2016, que trata dos crimes de abuso de autoridade. No entendimento da AJUFE, alguns artigos da proposta criminalizam diretamente a atividade judicial, abrindo a possibilidade de punição ao juiz pelo simples fato de interpretar a lei. Se aprovada tal como está, a matéria intimidará juízes, desembargadores e ministros, além de outras autoridades, na aplicação da lei penal, sobretudo em casos de corrupção que envolvam criminosos poderosos, que hoje são investigados em operações como Lava Jato, Zelotes, Acrônimo e outras. É mais um absurdo dos políticos, querendo manter a boa e velha impunidade. O Judiciário não é perfeito, mas não pode ser tolhido assim. Tipos penais abertos demais são ineficazes! Vamos derrubar esse projeto. Assinem a petição: clique AQUI!

Sérgio

quarta-feira, julho 13, 2016

Parceiros x TV


Casais admitem trair parceiros ao assistirem séries sozinhos, diz pesquisa. Outros escolhem parceiros somente se compatilham séries em comum. Quando a gente chega a este nível de futilidade na escolha de parceiros, não há muito o que esperar, certo? Veio do site Notícias da TV:

Uma pesquisa feita nos Estados Unidos mostra que é grande o número de pessoas que, em seus relacionamentos amorosos, traem seus parceiros quando assistem a uma série de TV. O levantamento encomendado pela operadora norte-americana Xfinity mostra que 50% dos casais admitem ver episódios de uma série sem o companheiro ao lado, mesmo quando combinam acompanhar a atração a dois. Além de poder causar uma separação conjugal, a TV tem a capacidade de evitar que uma relação se inicie. Dos jovens entre 25 e 34 anos ouvidos pela pesquisa, 30% confessam que já perderam interesse em uma paquera ao saber que as séries preferidas do(a) pretendente não lhe agradavam. Em contrapartida, 43% dos solteiros questionados decidiram marcar um encontro após descobrirem que a paquera gostava das mesmas séries que eles. A pesquisa apresenta mais um número positivo: dois de cada três casais afirmam que assistir TV juntos fortalece a relação. A Xfinity, da gigante Comcast, solicitou o levantamento para a empresa Propeller Insights. A ideia é promover a websérie Glued, produção original da operadora. A comédia traz um casal que enfrenta as "adversidades" do relacionamento: Qual programa os dois devem assistir juntos ou separados? Quando inserir uma nova série na rotina televisiva? Como evitar spoilers? Foram entrevistados 1.935 norte-americanos entre 25 e 49 anos.

Sérgio

segunda-feira, julho 11, 2016

Comer a cada 3 horas?


Caiu o mito da alimentação de três em três horas. Quem diz isso é a médica Bruna Pitaluga Peret Ottani em entrevista ao Estadão. Clique AQUI e leia a íntegra.

A alimentação de três em três horas, defendida por nove entre dez nutricionistas, não necessariamente pode ser o melhor para você. Segundo Bruna Pitaluga Peret Ottani, ginecologista e obstetra, pós-graduada em Nutrologia e membro do The Institute for Functional Medicine (IFM), “esse conceito já não é mais utilizado e os trabalhos científicos estão sendo publicados com respostas muito boas quando mudanças nesse padrão horário de dieta são feitas, como o jejum intermitente, que apresenta respostas promissoras para algumas pessoas”. Ela afirma que cada pessoa tem um metabolismo diferente e que algumas pessoas se sentem melhor comendo três vezes ao dia, ao invés de realizar seis refeições. “Obviamente que as refeições devem ser ricas em nutrientes mesmo que o número seja menor. Cada indivíduo tem as suas peculiaridades metabólicas, como ritmo circadiano diferente e produção hormonal, levando a consumo e necessidade de energia distintos “, diz. Bruna Ottani fala como melhorar a taxa metabólica basal e afirma que a combinação de exercícios físicos de resistência, como a musculação, com as atividades aeróbias, como a corrida, por exemplo, ajuda muito. Ainda assim, é preciso ter uma alimentação rica em vegetais e fitonutrientes (das plantas). “Imagine que o nosso corpo é uma Ferrari. Agora imagine essa Ferrari andando com combustível aditivado e de boa qualidade e a mesma Ferrari andando com combustível adulterado com etanol misturado. A Ferrari vai andar muito melhor com o bom combustível, certo? A mesma coisa acontece com o nosso corpo”, ilustra.

Sérgio

sábado, julho 09, 2016

Parabólica América #92


Pessoal, e esse foi o Parabólica América #092 de hoje, 09.07.2016! Enjoy!

Sérgio

9 de Julho



Hoje é feriado em São Paulo. Mas, é só isso que precisamos saber sobre hoje? Hoje é um dia importante para os Paulistas: data que é motivo de orgulho para os paulistas marca o início do levante armado do estado contra o Governo de Getúlio Vargas em 1932. São Paulo sempre foi a vanguarda da Liberdade no Brasil. Que assim seja! O texto abaixo é do site História Viva:

No dia 09 de julho, São Paulo comemora a Revolução Constitucionalista de 1932. A data, transformada em feriado civil em 1997, marcou o início de um dos principais episódios da história do estado. Sua importância está evidente em toda a cidade: duas avenidas carregam nomes que remetem à revolta (9 de julho e 23 de maio) e monumentos como o Obelisco do Ibirapuera prestam homenagens ao mártires da chamada “Guerra Paulista.”

A Revolução foi um levante armado da população de São Paulo que, entre os meses de julho e outubro de 1932, combateu as tropas do governo federal. A reivindicação central do movimento era a destituição do governo provisório de Getúlio Vargas, que dois anos antes assumira o poder no país, fechando o Congresso Nacional e abolindo a Constituição. O levante é chamado de “constitucionalista” porque São Paulo pedia a promulgação de uma nova constituição federal.

A empreitada militar paulista foi mal sucedida: as tropas do estado perderam a guerra, sufocadas pela superioridade numérica e técnica do exército brasileiro. Mas sua luta não foi completamente em vão: dois anos depois, em 1934, o governo central promulgava uma nova constituição, mostrando que a revolta conseguira, ainda que tardiamente, atingir seu principal objetivo declarado.

Mas o impacto da Revolução de 32 não se restringiu apenas ao campo da política: o levante foi também um dos principais marcos da formação da identidade paulista. Apoiada na ideia de que o estado é o “carro chefe” da nação, as elites locais aproveitaram o sentimento de união gerado pela revolta para reforçar seu discurso sobre o suposto “espírito” do povo de São Paulo. Dessa forma, elementos que vinham sendo construídos havia anos – como as ideias de pioneirismo e nobreza paulista – foram reforçados pelo poder ideológico da Revolução.

Desde seus primórdios, essa “paulistanidade” esteve impregnada pelo discurso racista. O levante de 32 serviu para reforçar essas ideias, elevando certas populações à categoria de “povo paulista” – como os imigrantes italianos, até então discriminados – e rebaixando outros grupos, como os afrodescendentes e os migrantes do Norte e Nordeste do país. Os historiadores Marco Cabral dos Santos e André Mota, no livro São Paulo 1932 – memória, mito e identidade recentemente lançado pela Alameda Editorial, deram especial ênfase ao papel da medicina na construção desse discurso: além de políticos e intelectuais do período, foram médicos e biólogos que tentaram justificar pela ciência a inferioridade racial de negros e nordestinos.

Atualmente, a Revolução Constitucionalista de 1932 continua sendo um tema controverso da historiografia nacional. Há um enorme número de livros e artigos que discutem o assunto, e a memória da “Guerra Paulista” continua em disputa pelos mais diversos grupos.

Sérgio

sexta-feira, julho 08, 2016

2016 mais longo...

Se você não vê a hora de 2016 acabar, uma má notícia... Veio do UOL:

O ano de 2016 terá um segundo a mais do que o normal para sincronizar novamente os relógios com o irregular movimento de rotação do planeta. O anúncio foi feito pelo Serviço Internacional de Sistemas de Referência e Rotação da Terra (Iers, na sigla em inglês), entidade sediada em Paris, na França. Com isso, o próximo dia 31 de dezembro acabará apenas às 23h59m60s, atrasando o Ano Novo em um segundo.   

O ajuste se deve aos relógios atômicos que marcam o Tempo Universal Coordenado (UTC), fuso que serve de referência para determinar os horários de todas as zonas do planeta. Como eles são extremamente precisos, muitas vezes perdem a sincronia com a rotação terrestre, progressivamente reduzida por causa da atração gravitacional exercida pelo Sol e pelo movimento do "coração de ferro" do nosso planeta. Essas variações são monitoradas pelo Iers, que se baseia na luz proveniente de galáxias situadas a bilhões de anos-luz de distância. Quando a diferença entre os dois marcadores passa de 0,9 segundo, é acrescentado um segundo ao UTC - ou retirado, dependendo da ocasião.   

Primeiro ajuste na década de 1970

Tal ajuste foi feito pela primeira vez em 30 de junho de 1972 e se repetiu 25 vezes desde então - o último foi em 30 de junho de 2015. Como essas mudanças arriscariam jogar sistemas informáticos de todo o mundo no caos, foi estabelecido que os segundos artificiais só podem ser adicionados ou removidos no fim de junho ou dezembro. Também é preciso avisar com seis meses de antecedência para que todos possam se adequar à nova hora oficial. (ANSA)

Sérgio

quinta-feira, julho 07, 2016

Brasil: Menos Burocracia


Vejam que lindo: uma convenção de 1961 da qual o Brasil é signatário e visa facilitar a aceitação de documentos elaborados no Exterior foi, finalmente, aceita e regulamentada pelo Brasil agora, 55 anos depois, e entrará em vigor em Agosto de 2016.

Através desta Convenção, a única formalidade que pode ser exigida para atestar a veracidade da assinatura, a qualidade e a autenticidade em um documento criado e assinado nos 109 Países signatários será o selo ou carimbo dado pela autoridade competente do país donde o documento é originário. Esta formalidade não pode ser exigida caso as leis, os regulamentos, os costumes que vigorem no país onde se celebrou o ato afaste, simplifique ou dispense o ato da legalização.

A Convenção aplica-se aos atos públicos lavrados e apresentados em um dos países signatários. São considerados como atos públicos:

- Documentos provenientes de uma autoridade ou de um funcionário dependente de qualquer jurisdição do país, compreendidos os provenientes do Ministério Público, de um escrivão de direito ou de um oficial de diligências;

- Documentos administrativos;

- Atos notariais;

- Declarações oficiais tais como menções de registo, vistos para data determinada e reconhecimento de assinatura, inseridos em atos de natureza privada.

A Convenção não se aplica a:

- Documentos elaborados pelos agentes diplomáticos ou consulares;

- Documentos administrativos relacionados diretamente com uma operação comercial ou aduaneira. 

A única formalidade que pode ser exigida para atestar a veracidade da assinatura, a qualidade e a autenticidade será o selo ou carimbo dado pela autoridade competente do país donde o documento é originário. Esta formalidade não pode ser exigida caso as leis, os regulamentos, os costumes que vigorem no país onde se celebrou o ato afaste, simplifique ou dispense o ato da legalização.

Vejam mais detalhes nestes links AQUI e AQUI.

Sérgio

quarta-feira, julho 06, 2016

Acidente com Tesla S


Nem sempre a tecnologia é infalível... Os EUA registraram o primeiro acidente fatal em carro com sistema semiautônomo, instalado em um Tesla S. O veículo estava no modo 'Autopilot', em que motorista não atua. Vítima postou vídeo um mês antes, dizendo que o sistema tinha evitado  outro acidente. A matéria veio do Auto Esporte:

Um motorista morreu quando o carro em que estava, um Tesla Model S, colidiu com um caminhão na Flórida, nos Estados Unidos. O veículo estava no modo semiautônomo ou "Autopilot", em que o carro dirige sozinho dentro de algumas restrições. Este é o primeiro acidente fatal com o uso desse tipo de recurso, disse a Tesla, em comunicado divulgado nesta quinta-feira (30.06). O caso aconteceu em maio passado, mas só foi divulgado com a abertura de uma investigação pela agência de segurança de transporte do país (NHTSA) e a nota da Tesla. A fabricante disse que só soube do ocorrido na última quarta (29.06).

O que é semiautônomo

Apesar de diversas montadoras testarem veículos totalmente autônomos, inclusive nas ruas, nenhum país vende carros que dispensam motorista completamente. Mas alguns modelos, como o elétrico Model S, permitem esse tipo de condução sob certos limites, de tempo e velocidade, por exemplo, e regras, como a de que o motorista mantenha as mãos aos volante, para reassumir o controle a qualquer momento.

Vítima tinha elogiado sistema

O site "The Verge" publicou que, em abril último, o motorista Joshua Brown, que morreu no acidente, tinha postado um vídeo no YouTube (assista aqui) em que dizia que o "Autopilot" o salvou da batida em outro caminhão que tentou pegar a mesma pista em que o carro dele estava. Ele gravou o momento em que o veículo se aproxima pela esquerda e o Tesla subitamente desvia para o lado, evitando a colisão. "Eu não estava olhando naquela direção (de onde vinha o caminhão) e a Tessy (nome que dou para o meu carro) estava no comando, com o Autopilot ativo. Percebi o perigo quando a Tessy me alertou com um alerta para 'assumir o comando imediatamente' e com o carro desviando para a direita para evitar a batida lateral", descreveu Brown. "Você pode ver (no vídeo) quando eu retomei o controle (do carro), há um leve som no volante. A Tessy já tinha movido o carro para evitar a colisão", completou. O vídeo tinha mais de 1,7 milhão de visualizações até a noite desta terça.

Como foi o acidente

O acidente com o Model S aconteceu em uma rodovia de in Williston e os sensores do carro não perceberam que uma carreta fez uma curva para a esquerda à sua frente, em um cruzamento. O Tesla acabou entrando embaixo o caminhão e o teto foi arrancado, segundo descreveu o jornal local "The Levy Count". O carro continuou se arrastando até sair da pista e bater em uma cerca. Brown, de 45 anos, morreu na hora. O condutor do caminhão não se machucou. "Foi o primeiro acidente fatal em 130 milhões de milhas percorridas com o Autopilot. Entre todos os veículos nos Estados Unidos, há, em média, um acidente fatal a cada 94 milhões de milhas. No mundo, a cada 60 milhões de milhas, aproximadamente", disse a Tesla, na nota. "É importante enfatizar que a ação da NHTSA é simplesmente uma avaliação premilinar para determinar se o sistema funcionou conforme o esperado."

Sérgio

terça-feira, julho 05, 2016

A China está afundando...


A China está afundando... E não é na economia! Veja mais AQUI.

Uma pesquisa realizada em conjunto por sete universidades ao redor do mundo indicou que mais de 50 cidades da China estão afundando devido a um fenômeno conhecido como subsidência. A capital, Pequim, é uma delas e afunda até 10,6 centímetros por ano. “Eu não fiquei particularmente surpreso com a descoberta”, disse nesta sexta-feira (01/07) um coautor do estudo, Zhenhong Li, ao jornal britânico The Independent. De acordo com o relatório resultante da pesquisa, a capital chinesa estaria sofrendo de subsidência — afundamento gradativo do solo — desde 1935 devido à exploração em excesso dos aquíferos subterrâneos da região. Conforme a água foi drenada, ao longo dos anos, o solo foi afundando, ainda que quase imperceptivelmente. Além disso, a situação é agravada pelo excesso de contruções sobre esse solo frágil.

O estudo afirma que este fenômeno ameaça a segurança “da população e da infraestrutura urbana”. Os pesquisadores propõem um monitoramento regular do solo para detectar possíveis riscos e pensar em estratégias de compensação para evitar que o afundamento continue. Ainda segundo a pesquisa, a subsidência afeta mais de 50 outras cidades da China como Tianjin — onde houve uma explosão química no ano passado —, que afunda por volta de 17 centímetros anualmente. Outro exemplo é Xangai, que já afundou mais de 1,8 metros desde 1921. Para Zhenhong Li, contudo, o problema pode ser controlado. Ele apontou que, devido a leis impostas em 2000 que limitam o uso da água subterrânea na região de Xangai, o fenômeno “está sob controle” na cidade. “A subsidência em Xangai era muito séria entre 17 e 20 anos atrás”, afirmou.

Sérgio

segunda-feira, julho 04, 2016

domingo, julho 03, 2016

Publicidade Fail


Olha o que acontece quando uma van da Starbucks abre sua porta... Sucks em inglês é um termo que diz que algo é ruim. Acho que não era essa a idéia, não? rsrsrs 

Sérgio

Felicidade e Redes Sociais


Booooom dia! Que tenham um ótimo Domingo. Vou sugerir um vídeo, de pouco mais de uma hora que vai te fazer ao mesmo tempo pensar e rir. Para quem não está acostumado, é possível pensar e ser feliz, rs Esta palestra do Leandro Karnal deveria ser passada nas escolas e no horário nobre das tv's anos a fio. Fantástica reflexão sobre o Mundo Líquido, este que temos hoje ao nosso redor.  Quem assistir não se arrependerá!

Sérgio

sábado, julho 02, 2016

Robôs Advogados?


Colegas, será que chegamos ao fim da linha? 'Robô advogado' já venceu 160.000 apelações contra multas de trânsito. Veio do Olhar Digital:

Um chatblot criado por um estudante de 19 anos já conseguiu vencer 160 mil contestações relacionadas a multas de trânsito em Londres e Nova York dentro do período de 21 meses. É o DoNotPay, que ganhou o apelido de “primeiro robô advogado do mundo” por auxiliar motoristas que se sentem injustiçados por levar multas de estacionamento proibido. Desde seu lançamento, o sistema já analisou 250 mil casos, tendo obtido uma taxa de sucesso de 64%.

Joshua Browder, o estudante responsável pelo DoNotPay, teve a ideia por ter levado 30 multas do tipo nos arredores de Londres quando tinha 18 anos. Como o processo de contestação é burocrático e consiste basicamente em preencher formulários, o uso da inteligência artificial cai perfeitamente, porque tudo o que o robô precisa fazer é perguntar coisas como se havia sinais claros de estacionamento e depois guiar o reclamante pelo sistema oficial.

De acordo com o VentureBeat, Browder pensa em expandir o DoNotPay para Seatle e já começou a desenvolver sistemas semelhantes para ajudar pacientes com HIV a entender seus direitos e para auxiliar passageiros cujos voos atrasaram mais de quatro horas a pedir compensações. Em outra frente, ele trabalha em um bot que ajuda refugiados a pedir asilo. “Eu acho que existe uma mina de outro de oportunidades, porque tantos serviços e informações poderiam ser automatizados usando IA e bots são perfeitos para isso. E é desapontador neste momento que eles têm sido usados principalmente para transações comerciais e para pedir flores e pizzas”, diz ele.

Sérgio

sexta-feira, julho 01, 2016

F-14 US NAVY x F-4 USAF


Interessante história do dia em que um F-14 Tomcat da US NAVY abateu um F-4 Phantom II da USAF. Veio do site We Are The Mighty, matéria de Logan Nye:

There are a couple things that everyone going into a military exercise absolutely has to get right. First, get good training and look for ways to improve both personal and unit performance. Second, and perhaps more importantly, don't really shoot anyone.

Guess which thing Navy Lt. (j.g.) Timothy Dorsey, an F-14 pilot, messed up while shadowing an Air Force RF-4C Phantom over the Mediterranean on Sep. 22, 1987?

Dorsey and his radar intercept officer, Lt. Cmdr. Edmund Holland, were taking part in an exercise testing the defenses of the Navy carrier USS Saratoga against enemy attacks. The Air Force had provided a jet and aircrew, Capt. Michael Ross and 1st Lt. Randy Sprouse, to act as the opposing force.

Ross took off from Aviano Air Base, Italy, and began searching for the carrier. The unarmed jet would need to get within visual distance of the Saratoga and read off its hull number to count a "kill" against it in the exercise.

The exercise orders called for Dorsey and another F-14 to be unarmed as well, but both Navy jets were actually carrying live missiles. The Navy pilots would have to simulate an attack on the opposing force jet to win.

The Air Force crew faced trouble early on when its equipment for hunting the Navy carrier and its fleet electronically malfunctioned. Ross and Sprouse began conducting a visual search instead. The Navy jets got lucky early when the combat controllers sent them after a radio contact that turned out to be the RF-4C refueling from an Illinois Air National Guard KC-135 tanker.

Dorsey's flight joined up on the tanker and picked up fuel. Ross and Sprouse flew away first and returned to searching for the carrier. Dorsey and Holland, obviously believing that they had spotted their quarry, pursued the Phantom.

The Air Force jet found the carrier, but also knew that a Navy jet was on its tail. Sprouse, the backseater on the Phantom, alerted Ross to the Navy presence.

"There's a Navy F-14 sitting on our left wing at about 8 o'clock," Sprouse said.

"Okay, he's a good guy," Ross said.

Meanwhile, Dorsey was tracking the Air Force jet's progress toward the carrier. When the RF-4C got to about 15 miles from the Saratoga, Ross initiated a diving turn at the carrier, simulating the start of an attack run. Dorsey called out the threat to Holland and they alerted the Saratoga.

So far, everything is good. The Air Force is simulating an attack on the carrier, the Navy is simulating the protocol for attacking a threat to the carrier.

The Saratoga responded, "Red and free on your contact." And that was where everything got messy. Dorsey, relatively new to the Saratoga and with only a couple hundred hours of flight time under his belt, was under the impression that "red and free" was a command to fire that was only used in real-world, "Shoot that guy right now!" situations.

Still, he hesitated and asked for guidance.

"Jesus, do they want me to shoot this guy?" he asked.

The phrase, "red and free," was commonly used around the Saratoga in exercises. Holland, thinking that Dorsey still understood that everything was taking place within the limits of the exercise, not an actual fight, responded with, "Yes. Shoot!"

Dorsey armed one sidewinder and attempted to fire, but the missile failed. So, he fired another and this one slammed into the back of the recently-fueled Air Force jet.

Holland later said of that moment, "I heard a 'whish' sound from the right side of the aircraft, and I looked out and I said, 'What was that?' I saw the front end of an F-4 and the back end was in flames. I said, 'You shot him down!' and I was absolutely amazed."

It was Holland's shock and sudden questions that alerted Dorsey to the fact that he had done something very wrong.

Ross and Sprouse, meanwhile, we're going through their own sudden crisis. They mistakenly believed that they had collided with the F-14 that was tailing them. The RF-4C was shaking violently and parts of it were on fire.

Ross gave the order to eject.

"I'm gone," Sprouse said as he pulled the ejection handle. Both airmen got clear of the dying jet and Holland radioed for an at-sea rescue.

"Mayday! Mayday! Got a kill on a Fox 4!"

For obvious reasons, Navy commanders immediately started asking what had happened. Ross and Sprouse were fished out of the water and questioned by Navy lawyers. They both gave full statements before the commander of the Saratoga, Navy Capt. David Frost, told them what really happened and apologized. (Probably something like, "oh, by the way, we shot you down. Sorry. Okay, who's up for some great Navy chow?")

Sprouse and Ross received medical attention, Navy uniforms, and a swag bag. They were given the best dinner on the ship and good spots to sleep until they could be sent back to the Air Force.

Dorsey was grounded but allowed to stay in the Navy. He made it to the rank of captain in the reserves as an intelligence officer and then an inspector general. In 2012, he was recommended for promotion to admiral. When Congress heard about his 1987 incident, they declined to vote on his promotion, effectively rejecting it.

Many suspect that Dorsey wouldn't have been allowed to stay in the Navy if it weren't for the fact that his father was James Dorsey, a prominent figure in the Naval aviation community. In 1987, Dorsey was the captain of the USS America, a supercarrier.

Ross's injuries from the shootdown appeared slight when he was rescued from the ocean, but grew steadily worse as he aged. He received 32 surgeries and became fully disabled.

Sérgio